Procure

Estudo Bíblico A Mulher Sábia


         Grandes estudiosos relatam que a Bíblia Sagrada é considerada como uma bússola para o cristão. Sempre que estamos em dúvida a que atitude devemos tomar em alguma decisão, ao consultarmos as Sagradas Escrituras, com certeza encontraremos as respostas.
         Se a lermos diariamente e colocarmos em pratica o que ela nos revela, obviamente seremos bem sucedidos em tudo o que fizermos.
         Lendo as Escrituras o Espírito Santo de Deus me fez observar como era a procedência de algumas mulheres e que pelas suas atitudes tiveram destaque na Bíblia Sagrada.
         Mulheres que venceram o inimigo através da autoridade dada por Deus, conquistada através da sabedoria divina, da vigilância e oração, do silêncio no tempo oportuno, da obediência para com seu marido, seu pastor ou com seu superior.
         Neste assunto que irei abordar quero colocar como referência uma mulher que chamou muita a minha atenção: a mulher de Noé . Esta mulher abençoou o ministério de seu esposo através de sua obediência e dedicação à sua família; nos ensinando que a nossa responsabilidade é estar orando continuamente pelo ministério de nossos esposos, e andar lado a lado com eles, nunca esquecendo que Deus fez o homem, e viu que ele estava só, e então nos formou através de sua costela e se crermos que a Bíblia nos relata isto, acreditaremos então que espiritualmente somos uma só carne, sendo assim feitas para estar lado a lado com nossos esposos.
         Quando digo lado a lado, não é literal, e sim estarmos sempre presentes em todo momento real em que nos é confiado, transparecendo sempre a todos alegria e não tristeza, mansidão, domínio próprio, amor, lealdade, benignidade ...
         Fazendo uma analogia entre a mulher de Noé e a mulher de "hoje", podemos observar que muitas, (não generalizando) que são esposas de homens que estão na liderança de algum trabalho (pastores, obreiros, políticos, profissionais afins e etcs) não se preocupam em assumir seu papel de esposa dedicada; e quando são chamadas a assumirem seu lugar ao lado do esposo colocam sempre como empecilho seus afazeres de casa, filhos, cansaço; ou então: falta de roupa, pois já usou ?aquela? outro dia. Outras já são diretas: -Não vou hoje com você, leve as crianças para te fazerem companhia!
         Outras, no entanto querem tomar a frente daquilo no qual Deus confiou ao seu esposo, e se ele resolver tomar alguma atitude sem consultá-la primeiro, será este um motivo para uma guerra conjugal. Com o passar do tempo, se o esposo não tiver pulso firme certamente esta mulher dominará sobre ele, cumprindo-se assim o que o profeta Isaias relata: - "Os opressores do meu povo são crianças, e mulheres estão à testa do seu governo".
         Imagine se Deus tivesse colocado a esposa de Noé na direção da construção da arca? Como mulher posso afirmar que ela não iria deixar ninguém para fora da arca, mesmo sabendo que só entrariam ela, seu marido, filhos e noras e um casal de cada animal, réptil e ave.O apostolo Paulo escreve que a mulher é considerada como vaso mais frágil; somos sensíveis, por outro lado somos consideradas fortes, pois além de gerarmos outra vida, ainda a carregamos durante nove meses e por fim sentimos a dor para termos, e quando o olhamos, toda aquela dor e sofrimento dão lugar para o amor e alegria com aquele desejo de cuidar e proteger.
         Creio que este foi um dos motivos pelo qual Deus designou a tarefa da arca a Noé, neste caso Deus queria poupar somente a Noé e sua Família do dilúvio, pois o ser humano havia se corrompido, más Deus viu em Noé integridade e honestidade, e por que não dizer um bom marido também, pois a própria Bíblia nos revela na carta em que o apóstolo Paulo escreve á Timoteo onde "o homem que não consegue cuidar de sua casa, conseqüentemente não tem condições de cuidar das coisas de Deus". Em suma; não estou afirmando que a mulher não possa estar na frente de alguma liderança, mesmo porque a própria Bíblia nos relata mulheres que Deus determinou que estivessem na liderança e honraram o seu papel, de modo que todo o povo também teve a vitória, como foi o caso de Ester; mulher que usou de prudência ao dirigir-se ao rei Assuero sabendo usar as palavras no momento oportuno. Podemos também ler sobre Débora que foi profetisa e juíza de Israel. Porém estas mulheres andavam segundo a vontade de Deus, sabiam até onde iam seus limites; todavia se saíssem fora dos planos de Deus, certamente não teriam êxito.
         Existe um ditado popular que diz "Ao lado de um grande homem existe uma grande mulher". Todavia podemos ver homens que tinham todo um potencial para serem bem sucedidos tanto na vida secular como na espiritual. Varões escolhidos por Deus para assumirem um ministério, más com o passar do tempo alguns pararam no caminho, outros voltaram para trás e poucos conseguiram levar adiante o que Deus havia colocado em suas mãos, sendo que muitas das vezes porque a esposa não quis assumir a responsabilidade que Deus a confiou, e ao invés de estar presente nas ocasiões que lhe são impostas preferem ficar assistindo "aquele capítulo especial da novela", acabando a delegar sua autoridade a seus filhos ou até a uma irmã, uma amiga ou conhecida em que confia, e diz: -Leva fulana querido, é a pessoa certa para fazer esta visita contigo, ela é honesta, educada e bem espiritual; nossa filha vai junto também, assim ninguém vai ter o que falar! Sendo que o nosso amado apostolo Paulo escreve aos Efésios:
 
"Vós mulheres, sujeitai-vos a vossos maridos, como ao Senhor: Porque o marido é a cabeça da mulher, como também Cristo é a cabeça da igreja; sendo ele próprio o salvador do corpo. De sorte que, assim como a igreja está sujeita a Cristo, assim também as mulheres sejam em tudo sujeitas a seus maridos".  Efésios 5.22-24
        Querida leitora, se o teu esposo convidou-a para fazer uma visita com ele, não hesite e vá, pois sabemos que satanás fica procurando brechas para destruir lares. Conheço homens, que quando iam a uma visita, e chamavam suas esposas elas sempre davam desculpas, e sempre indicavam outras mulheres em que elas confiavam, no entanto, devido a tantas visitas que acabaram fazendo juntos, começaram a achar que havia muita compatibilidade entre os dois, e no final aconteceu o que o diabo havia planejado; adultério. E o interessante é que quando chega a este ponto muitas esposas culpam seus maridos chamando-os de sem-vergonha, traidor, colocando inclusive os filhos, parentes e amigos e até a igreja contra seu marido, más como a Deus ninguém engana e sabemos que cada um dará conta pelos seus atos, certamente tanto o esposo pela traição quanto a esposa que não traiu, más que contribuiu para que houvesse acontecido o ocorrido, terão que prestar contas ao Senhor. Todavia se a esposa estivesse sempre que necessário fazendo seu papel de auxiliadora, ajudadora, obviamente nada disso teria ocorrido. Sendo assim podemos analisar que muitas lutas que nos batem a porta são porque nós mesmos a procuramos; e o interessante é que depois culpamos a Deus, a Igreja, a família, e até o trabalho que é estressante demais, porém nunca admitimos que nós é que temos que nos concertar, que mudar de atitude, de maneira de viver. Se formos obedientes a Deus, como manda a Bíblia, com certeza nosso casamento será abençoado, e o que Deus confiou ao nosso cônjuge certamente frutificará, e o nome do Senhor Jesus será enaltecido.
         No entanto a mulher que não anda segundo a palavra de Deus, ela abre uma brecha em seu casamento, permitindo que satanás entre e faça morada, sendo que, o serviço do mesmo é:
  • Matar; quando não há mais sintonia num relacionamento, e os papéis acabam sendo trocados (esposo fazendo o papel da esposa e vice-versa) e o respeito acaba, abrindo-se uma brecha no relacionamento, onde satanás entra e começa a fazer com que o relacionamento vá esfriando, e por fim morrendo.
  • Roubar; apartir do momento em que outorgamos autoridade a satanás sobre nossas vidas por falta de vigilância, além de esfriar o relacionamento, ele começa a prover ocasiões para nós, onde ficamos sem tempo para cultuar a Deus e a satisfazer ao nosso cônjuge; sendo assim satanás começa a roubar tudo aquilo que no dia do nosso matrimônio proferimos e prometemos a Deus e a nossos esposos, em satisfazê-los e amá-los, caminhar juntos na alegria e na tristeza, na pobreza e na riqueza e assim por diante...
  • Destruir; por fim, após um esfriamento de casamento, e após satanás conseguir roubar de nós todo aquele sonho e esperança de um relacionamento que era para ser duradouro, então ele destrói não só o casamento, más consegue também destruir o ego e o caráter do marido e da esposa, e todos que estão em volta também são afetados; filhos, parentes e amigos inclusive a Igreja.

         O que estou escrevendo não é utopia, e sim a realidade que estamos vivendo no nosso cotidiano.
         Tenho testemunhado muitos casamentos que começaram muito bem, más que ao longo do caminhar foram atropelados pelas astúcias ciladas de satanás, onde seqüelas dolorosas ficaram devido a falta de vigilância. Promessas de Deus foram-lhes feitas, más porque não foram cumpridas?
         O livro de Deuteronômio faz uma ressalva sobre as bênçãos de Deus destinadas á nós através da nossa obediência, más também nos diz sobre os castigos que virão sobre nós pela nossa desobediência. Cabe a nós decidirmos o que queremos.
         Deixo como exemplo para nós mulheres, a história de Eva, esposa de Adão. Deus já havia advertido a Adão sobre não comer o fruto da árvore da ciência do bem e do mal, colocando-o como cabeça sobre Eva, onde sua responsabilidade também era de não permitir que ela comesse do fruto da árvore da ciência do bem e do mal, porém; Eva deu mais crédito ao que satanás lhe prometeu, do que para seu marido, e também a Deus, que a formou que lhe havia dado um paraíso, onde ela não precisaria plantar e nem trabalhar para seu sustento, aliás, tudo o que eles precisavam Deus já havia providenciado.
         Sem falar que ela ficou tão fascinada com o que a serpente lhe falou, que se esqueceu que cobra não fala, embora alguns estudiosos acreditem que os animais na época do Éden falassem.
         Porém eu discordo piamente, pois os animais foram feitos segundo a Bíblia nos revela, para domínio do ser humano, como nos mostra no livro de Gênesis capítulo 1. Versículo 28.
         Podemos perceber que além de Eva comer o fruto, persuadiu Adão a comê-lo também, revelando-se o pecado pela desobediência.
         Conosco não é diferente do que foi com Eva. Satanás apresenta-se para nós mulheres, não de chifres e rabo, mas sim ele usa suas artimanhas para chamar a nossa atenção, como: você passa em frente de um outdoor e vê uma mulher linda, cabelos totalmente diferentes dos teus, corpo perfeito, pernas longas e bronzeadas, ao lado de um carro belíssimo de ultima geração, com um homem com pele de pêssego, aparentando ser tudo aquilo que você gostaria que teu esposo fosse; e, se ainda continuar a ficar alimentando o que a tua mente tão fértil pensou, satanás continuará a lançar setas para que você chegue à conclusão onde: ou que acredite que o seu casamento foi uma furada, que você casou-se com o homem errado, e o certo seria um igual ao da foto, e ai vem à murmuração: -Eu devia ter dado ouvido no que fulana falou, que meu pretendente não era este, e sim aquele outro..., Eu poderia ter casado com ele, pois agora ele tem uma vida estabilizada, um carrão..., Será que vai ficar viúvo logo? - Ai! Se arrependimento matasse já estaria morta! Ou então satanás vai querer que você acredite que está antiquada, fora de moda e de forma, e então para que fique ainda mais triste ele coloca alguém na tua frente para te dizer - "Como você está gorda! O que você fez no seu cabelo, que ele está tão desidratado? Faça um corte moderno, e mude a cor também, pois cabelo como o seu está fora de moda, e renove seu guarda-roupa com cores da nova estação, pois está parecendo uma velha, e só assim você vai ficar igual a aquela atriz que faz o papel principal da novela, e que por onde ela passa tira suspiros de todos". Então, você alimenta está idéia de uma tal maneira que começa a pensar que só será feliz se fizer umas mudanças drásticas no seu visual, esquecendo-se que a mudança tem que ser de dentro para fora, e não de fora para dentro, tornando-se uma obsessão em sua vida. Então você se depara com uma academia no caminho para casa, e ainda tem a coragem de falar: - É de Deus! Entra e faz sua matrícula, pois agora você acha que está muito fora de suas medidas, ou seja, fora das medidas daquela moça que estava no outdoor, que por sinal nem se parece contigo.
        Próximo passo: entra numa loja e faz um monte de carnês, leva tudo o que a balconista falar que esta na moda, não importando que ficou um pouco apertado ou curto, pois você se matriculou na academia mesmo, e o importante é que sirva depois, e você fique igual à foto do outdoor.
        Terceiro passo: antes de chegar em casa, passa num salão de beleza, e pede para que a cabeleireira "faça" você ficar igual à moça da foto, logicamente que tudo isso: academia, compras, corte de cabelo... Tudo feito sem ter consultado seu esposo primeiro, para saber se ele concordaria ou não, ou se poderia entrar no orçamento do mês; sem falar que quando você entra em sua casa depara-se com seu esposo que por sinal nada se parece com o homem do outdoor, pedindo-lhe o jantar, e ainda por cima nem notando a mudança que foi feita em seu cabelo, sem contar o dinheiro que foi "investido" neste novo visual. Enquanto isso satanás só está batendo palma de alegria, porque você tem sido uma aluna obediente à voz e as setas dele, aliás, você nem se preocupou em vestir-se com a armadura de Deus e agora desprotegida, é um alvo fácil para o inimigo.
         Então toda esta fantasia chega em seu ponto clímax, onde você começa a achar que seu marido, sua casa, não te merecem, e que é hora de começar tudo de novo! - Então o adversário coloca em seu caminho um homem "parecido" com o da foto, falando-lhe palavras doces, suaves, prometendo-lhe uma vida totalmente diferente da que você estava acostumada a viver, porém depois que satanás consegui o que quer, que é o de destruir lares, ele se retira e vai procurar outra pessoa que também lhe abra uma brecha para entrar. Então você acorda de todo este pesadelo e vê que tudo não passou de ilusão, que não só sua vida foi massacrada, más a de seu esposo também.
         Querida leitora, este exemplo que citei não é simplesmente um conto, más a realidade em que vivemos. Conheço prostitutas que no passado eram mulheres idôneas, bem colocadas no mercado de trabalho, com lares e filhos, más que infelizmente acabaram caindo nas ciladas de satanás, restando somente para elas as ruas, tornando-se "mulheres da noite".
         Poderia escrever neste livro inúmeros casos de lares que foram destruídos por satanás pela falta de vigilância. Se pararmos para conversar com os andarilhos ouviremos casos muito semelhantes a este que relatei ou outros que iremos nos sensibilizar.
         Por isso afirmo sempre que todos nós estamos sujeitos a passar por situações constrangedoras, porém se fizermos uso constante da palavra na qual o espírito Santo de Deus inspirou o amado apostolo Paulo quando escrevia aos Efésios, para que façamos uso da "armadura de Deus", pois somente após estarmos revestidos com o poder de Deus é que conseguiremos vencer as astutas ciladas de satanás.
 
 
Autor: Elen Viana