Procure

Sai da Caverna!


A caverna é uma gruta, onde muitos a usavam como um lugar de refúgio, de abrigo, onde muitas pessoas se escondiam. Quando fugiam de alguém encontravam nessas grutas proteção, como no caso de Davi, que ficou um bom tempo escondido do rei Saul, na gruta de Adulão, e com ele cerca de 400 homens (I Sm 22:1,2). Nesse capítulo citado deixa claro que todo aquele que procurava a caverna, era pessoa de espírito triste, endividada, estava em apertos, ou seja, estavam em dificuldades passando por algum problema.

Quero me prender ao fato do profeta Elias em I Rs 19:9 que diz: “E ali entrou numa caverna e passou ali à noite; e eis que a palavra do Senhor veio a ele e lhe disse: Que fazes aqui Elias”? Durante a minha caminhada no evangelho, e em especial, no meio pentecostal, tenho ouvido muito a seguinte expressão: Estou na prova, estou na luta, estou em uma caverna. E observando esse texto o Espírito Santo me fez entender a diferença de quando você está na prova porque é plano de Deus, ou quando você está porque é o seu plano, é o que você quer, você escolheu entrar na caverna. Esse foi o caso de Elias, observe que ELE ENTROU NA CAVERNA, Deus não o mandou ir pra caverna. Isso fica claro quando Deus lhe pergunta: Que fazes aqui Elias? Ou seja, Deus queria que Elias entendesse que ali não era o seu lugar. Elias dá uma resposta à pergunta de Deus, uma resposta que centralizava a sua pessoa, pois pensava que só ele tinha ficado, que só ele era fiel, que só ele não se curvava a Baal. Quantos acham que são mais crentes que os outros, centralizam os olhares só para as suas vidas, só para as obras que fazem e não pra Cristo.

Davi entrou na caverna porque foi plano de Deus, observe que quando Deus está no negócio, vidas são alcançadas, algo de especial acontece, pois, se ajuntou à Davi várias pessoas com problemas, e Davi como servo de Deus, certamente ajudou aquelas vidas, falando de suas experiências, e do Deus que ele servia.

Elias tentou justificar para Deus o porquê de está ali; só que o senhor sabe de todas as coisas e não está interessado, e nem precisa das nossas justificativas e ordenou que Elias voltasse pro caminho, pro plano que Ele havia traçado. Pois, Elias tinha escolhido um atalho, Deus não aceita que você escolha atalho, ou paliativo para o plano que Ele traçou em sua vida, Ele quer você no centro da vontade Dele.

Que fazes aqui Elias - Quando você encontra alguém em um lugar, onde você não esperava que aquela pessoa estivesse, logo você diz: O que você está fazendo aqui? Não é isso o que acontece? Deus sabia o porquê de Elias está ali, o que ele estava fazendo ali, mas queria que ele saísse dali, por isso lhe fez essa pergunta. Deus lhe perguntou duas vezes o que ele estava fazendo ali, perguntou uma vez, e depois disse: Sai para fora! Elias não obedeceu ainda ficou na caverna, no versículo 13, Deus lhe pergunta de novo: O que fazes aqui? Elias dá à mesma resposta, Deus o manda voltar para o caminho do qual ele havia saído, lhe revela que é nesse caminho, que Deus queria contar com ele, não era na caverna que Deus queria contar com ele, e sim fora dela. Deus lhe revelou que ele não ficou só, que não existia só ele que o servia, ainda existia sete mil que não se dobraram a Baal. O Senhor te pergunta nesta hora: O que fazes aqui? O que fazes nesse lugar que o Senhor não te colocou? Que o Senhor não te ordenou que estivesse? O que fazes nessa posição? Que não foi o Senhor que te colocou, e sim os homens? E o Senhor te diz: volta para o caminho, volta em quanto há tempo. Deus esperou que Elias tomasse uma decisão, tanto é que falou com ele duas vezes, até que Elias decidiu obedecer à voz do Senhor. Observe que Deus não tirou Elias da caverna, o próprio Elias saiu, quando ouviu a voz do Senhor e decidiu obedecer.

Existem vários tipos de caverna, que muitas das vezes, se não estivermos atentos, vigiando, quando damos por conta já estamos dentro delas. Quero me prender somente a três delas: A caverna do medo, do egoísmo, e da falta de perdão. O profeta Elias, homem de Deus, entrou na caverna do medo. Ficou com medo das ameaças de Jezabel, e entrou nessa caverna. A caverna do medo é terrível! De uma hora para outra, você se esquece de quem é, e o pior de tudo, esquece do Deus que você serve. Elias orou e caiu fogo do céu, desafiou os profetas de Baal, e por uma simples ameaça do diabo, ele entrou na caverna do medo, esquecendo-se por um momento, dos grandiosos feitos do Senhor. O medo é uma palavra de satanás para aprisionar vidas, “O verdadeiro amor lança fora todo o medo”. Não devemos esquecer que Deus nos deu poder sobre o diabo e todas as suas ameaças, e sugestões. “Se Deus é por nós quem será contra nós?” Portanto, do que é que você tem medo? Das ameaças dos ímpios?

“Mil cairão ao teu lado e dez mil a tua direita e tu não serás atingido” (Sl. 91:7). De ficar desempregado, e passar necessidades? “Os filhos dos leões necessitam e passam fome; mas os que confiam no Senhor de nada tem falta” (Sl 34:10). Ou Tens medo de ficar enfermo? “Verdadeiramente ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e pelas suas pisaduras somos sarados” (Is 53:4,5). Tens medo do diabo? “Eis que vos dou poder para pisardes serpentes e escorpiões (símbolos do diabo) e NADA vos causará dano algum” (Lc 10:19). Amados, não existe nada que devemos ter medo! O nosso Deus é maior que todos os obstáculos e todas as setas do diabo. “Porque Deus não nos deu o espírito de temor, mas de ousadia” (2 Tm 1:7).

Outros preferem a caverna do egoísmo - se fecham dentro dessa caverna e só se preocupam com a sua vida. Não ama os que estão à sua volta. Diz que ama, mas quando é para por isso em prática, faz como fez o profeta Jonas - Deus lhe deu uma ordem a cerca dos ninivitas e ele achou que aquele povo não merecia a palavra de Deus. Logo em seguida fugiu, mas dentro do navio, Deus tratou com ele. Jonas se acomodou naquele navio quando estava fugindo da ordem de Deus. Todos estavam atônitos, querendo saber o porquê daquela tempestade, mas Jonas acomodado dormia um sono profundo (Jn 1:5). Todos os que dão lugar ao egoísmo agem assim. Levam suas vidinhas, dormem, passeiam, se divertem, e os outros que se lixem. Jonas não estava nem aí pra situação, entrou na caverna do egoísmo, e quem tivesse à sua volta que morresse! Quantos dizem hoje que são servos de Deus, mas não está nem aí pra necessidade do seu próximo. Jonas não queria pregar pra Nínive, pois não queria que essa malvada cidade se arrependesse e tivesse a chance de servir ao seu Deus, pois, a Assíria era inimiga declarada da nação de Israel.

Veja só, que sentimento terrível alimentou o profeta Jonas! Não queria que aquele povo tivesse uma chance. Como ele temia, o povo aceitou a Palavra, se arrependeu, e Jonas no capítulo 4 se lamentou diante de Deus, arrasado porque o povo tinha dado ouvido à Palavra do Senhor. Jonas desejou até a morte por causa dessa situação. Queridos, não entre nessa caverna, em nome de Jesus. Sai dela, fuja, pois, isso é terrível! O egoísmo prende a pessoa de tal forma, que ela usa até a Palavra de Deus para tentar da base a esse sentimento e diz: “Cada um dará conta de si mesmo”. Mas dizem isso, querendo dizer que o que importa é se eles estão bem, o resto que se dane. Quem ama e pratica a Palavra de Deus, quer mais que todos cresçam na graça e no conhecimento. Não fica enciumado quando os outros estão crescendo. A seara é do Senhor, só Dele. Hoje, muitos querem ser Senhor da seara, dizendo que alguns estão cortados, quando na verdade não estão. O pior é que usam o nome de Deus, dizendo que foi Deus, quando na verdade não foi. Estão no fundo da caverna do egoísmo e acham que só elas tem Deus. Mas Deus mostrará quem é quem.

Caverna da falta de perdão - essa também é terrível. Já vi pessoas morrendo e dizendo: Não sou Deus para te perdoar! Quantos estão nessa caverna! Odeiam, desejam mal, não perdoam de forma alguma, se apegam a uma falha que a pessoa cometeu e esquecem de todos os bens que tal pessoa lhe fez. Outros, até usam a autoridade de dirigirem uma igreja, e não dão mais oportunidades a certas pessoas. Só porque a pessoa o magoou com certa palavra. Onde está o perdão? Já pensou se Deus tratasse conosco assim? Quantas vezes pecamos, pedimos perdão, Ele nos perdoa e acabamos fazendo à mesma coisa, e Ele continua nos perdoando. Claro que, se não tomarmos uma posição radical, um dia pode ser que não tenhamos mais chance, mas isso só Ele é quem determina, pois, Ele age como quer. O Senhor Jesus nos contou uma parábola em Mateus 18: 23-35, que fala-nos de um rei que fez conta com os seus servos e tinha um que lhe devia, e o homem implorou ao rei que lhe perdoasse a dívida e o rei o perdoou.

Logo em seguida esse que foi perdoado encontrou um que o devia, o homem que o devia implorou que o desse mais tempo para ele pagasse a sua dívida; e o tal que recebera o perdão do rei, não perdoou aquele homem que o devia, e agiu muito duro com ele, mas com isso o rei se indignou chamou-o de servo malvado e fez com que ele lhe pagasse tudo o que lhe devia. Queridos, essa parábola é gloriosa! É o retrato do que tem acontecido em nossos dias, em nossas vidas. Se não tivermos cuidado, agiremos iguais àquele mal servo. Deus nos perdoa e nós não queremos perdoar. Mas hoje, em nome de Jesus, vamos dizer não para a caverna da falta de perdão. Se dizemos que servimos a Ele, devemos andar como ele andou. E a respeito daqueles que o traiu Ele disse: “Pai perdoa-os, pois, eles não sabem o que fazem”.

Se você estiver em uma igreja e o pastor dessa igreja usar o púlpito pra jogar piadas, pode ter certeza: essa pessoa está vivendo na caverna da falta de perdão, pois Jesus nos mandou fazer diferente. Ele disse: “Que se o nosso irmão tem algo contra nós devemos ir a ele, falar com ele, e se reconciliar antes de ofertarmos” (Mt 5:23-25). Deus fala do púlpito? Fala! Sabemos quando é a voz de Deus, e quando é piada do homem. Quando Deus revela, é algo que Deus fala direto ao espírito do homem. Quando o homem fala do púlpito algo que lhe chegou ao ouvido, porque alguém lhe contou, ou porque ele viu alguma coisa, isso não é Deus falando - o nome disso é piada. E só quem usa esse artifício são pessoas que estão presas na caverna do egoísmo e da falta de perdão.

Sai da caverna - Deus quis dizer para Elias: sai desse lugar, pois não te quero nele! Essa voz do maravilhoso Deus, que veio a Elias, uma voz mansa e delicada, ainda continua soando, e nos chamando a sair fora dessas cavernas que nós mesmos entramos. Observe que foi Elias que entrou, não foi Deus quem o colocou. O que você está passando é prova de Deus? Ou foi você quem entrou nela? Pense nisso! E saiba discernir o que está acontecendo em sua vida se é de Deus, ou se é da carne, ou do próprio diabo.

Sai da caverna do medo, do egoísmo e da falta de perdão, pois, esses são sentimentos que só destruirão a tua própria vida. Se você tem convicção do teu chamado, de que o que você está passando é plano de Deus segue em frente e não olhes para trás. Deus falará contigo, e caminharás seguro. Não dê ouvidos as vozes negativas, mas só a voz do Espírito Santo. Mas, se você detectou que o que você está passando foi você quem procurou ainda há tempo. Sai dessa caverna e Deus será contigo! Mas é necessário sair, só assim o Senhor poderá contar com a tua vida. Não espere Deus te arrancar de lá, Ele te dará a palavra que te dará forças para vencer.

|  Autor: Cristina M.Silvano de Andrade  |  Divulgação: estudosgospel.com.br |