Procure

Adoração na Porta

Ezequiel 46.9


Mas, quando vier o povo da terra perante o Senhor, nas festas fixas, aquele que entrar pela porta do norte, para adorar, sairá pela porta do sul; e aquele que entrar pela porta do sul sairá pela porta do norte; não tornará pela porta por onde entrou, mas sairá pela porta oposta.

Preâmbulo: A cidade de Jerusalém no AT era composta de 12 portas, o Templo por sua vez tinha 6 portas estabelecidas na seguinte ordem 2 em direção do Oriente, 2 para o Sul e 2 para o Norte. E muito importante para nós conhecer a Posição das Portas e como se entrava por elas e como se saia e ainda quem podia entrar e que não podia entrar.

I - O QUE ACONTECIA NAS PORTAS EM ISRAEL

1. A Importância das Portas:

Como não havia praças nas antigas cidades o povo se concentrava junto às portas. Na Grécia se reuniam nas Ágoras, em Roma se reuniam nos Fóruns. Na ocasião das guerras, a defesa era redobrada junto às portas; pois quando se conquistavam as portas era sinal de que a cidade fora subjugada.

2. Lugar de encontros e negocios:

Era um lugar especial para conversas, passatempos e negócios, um lugar de encontro. Como que fosse um Cartório onde se fazia contratos, compras e vendas.

3. Lugar de processos judiciais:

Jó é o mais notável exemplo de exercício jurídico sentado na porta da cidade. (Jo 29.7-17) Quando eu saía para a porta da cidade... me era dado sentar-me, os moços me viam e se retiravam; os idosos se levantavam e se punham em pé; os príncipes reprimiam as suas palavras e punham a mão sobre a boca; a voz dos nobres emudecia, e a sua língua se apegava ao paladar... eu livrava os pobres que clamavam e também o órfão que não tinha quem o socorresse. A bênção do que estava a perecer vinha sobre mim, e eu fazia rejubilar-se o coração da viúva... Eu me fazia de olhos para o cego e de pés para o coxo. Dos necessitados era pai e até as causas dos desconhecidos eu examinava...

4. Lugar de leitura da Lei de Deus (Ne 8.1-3).

Em chegando o sétimo mês, e estando os filhos de Israel nas suas cidades, todo o povo se ajuntou como um só homem... diante da Porta das Águas... Esdras, o escriba, que trouxesse o Livro da Lei... leu no livro... desde a alva até ao meio-dia, perante homens e mulheres e os que podiam entender...

5. Lugar de execução de Idolatras:

(Dt 17.2-5) Quando no meio de ti... que vá, e sirva a outros deuses, e os adore, ou ao sol, ou à lua... e te seja denunciado... então, levarás o homem ou a mulher que fez este malefício às tuas portas e os apedrejarás, até que morram.

6. As oito portas atuais em Jerusalém:

De 12 portas que havia, permanecem apenas 8, são elas: Porta Nova, Porta de Damasco, Porta de Herodes, Porta de Santo Estevão, Porta Dourada, Porta de Sião, Porta dos Mouros, Porta de Jafa.

7. As doze portas depois do Cativeiro:

Porta do Gado, Porta do Peixe (Porta de Damasco), Porta Velha (Porta de Jafa), Porta do Vale, Porta do Monturo, Porta da Fonte, Porta do Cárcere, Porta das Águas, Porta dos Cavalos, Porta Oriental, Porta de Mifcade (da Atribuição) e Porta de Efraim.

II – PORTA UM LUGAR DE ADORAÇÃO

1. Uma Adoração Preventiva:

O povo apenas entrava para adorar no limiar da porta, ninguém se atrevia estar no interior do templo. O povo comum não poderia entrar no meio, poderia morrer.

2. Uma Adoração de Suficiência:

O povo entrava para adorava apenas no limiar da porta, não penetravam no interior do templo, onde estavam os sacerdotes de serviço, e isto era suficiente

3. Uma Adoração de Oportunidade:

Estar nas Portas da casa do Senhor era uma oportunidade anelada, desejada. (Sl 84.10) Pois um dia nos teus átrios vale mais que mil; prefiro estar à porta da casa do meu Deus, a permanecer nas tendas da perversidade.

4. Uma Adoração Diferenciada:

O príncipe, por ser príncipe podia sentar à mesa diante do Senhor e comer o pão sagrado, enquanto olhava os sacerdotes ministrarem diante de Deus. (Ez 44.3) Quanto ao príncipe, ele se assentará ali por ser príncipe, para comer o pão diante do Senhor...

5. Uma adoração de Chegada e Saída:

O povo entrava para adorar pelas portas Sul ou Norte, só que deveria entrar por uma porta e sair pela outra. (Ez 46.9) Mas, quando vier o povo da terra perante o Senhor, nas festas fixas, aquele que entrar pela porta do norte, para adorar, sairá pela porta do sul; e aquele que entrar pela porta do sul sairá pela porta do norte; não tornará pela porta por onde entrou, mas sairá pela porta oposta. Isso fala do no Passado, não importa como entramos, mas como vamos sair. Cada passa dado para frente, ficava atrás o seu passado, suas lutas, suas cargas.

III - A IMPORTÂNCIA DA PORTA ORIENTAL

1. A Gloria do Senhor entrou pela Porta Oriental:

A Porta Oriental é a porta exclusiva de Deus e da sua Gloria. (Ez 43.2) E eis que, do caminho do oriente, vinha a glória do Deus de Israel; a sua voz era como o ruído de muitas águas, e a terra resplandeceu por causa da sua glória. (43.4) A glória do Senhor entrou no templo pela porta que olha para o oriente.

2. A posição da Porta Oriental:

Podemos estudar as portas de Jerusalém e do templo, num sentido literal, vendo suas posições geográficas: A posição Oriental é a mesma que a posição Leste ou onde nasce o sol. Essa era a posição da porta do Tabernáculo e também do Templo, onde tocava os primeiros raios de sol ao iniciar o dia. O sacerdote ao entrar nesta posição dava às costas ao sol. Havia muitas e crendices na mitologia com referencia ao sol.

3. A porta oriental do Templo ficou fechada:

Por que a Gloria do Senhor havia entrada por ela (Ez 44.2) Disse-me o Senhor: Esta porta permanecerá fechada, não se abrirá; ninguém entrará por ela, porque o Senhor, Deus de Israel, entrou por ela; por isso, permanecerá fechada.

4. A porta oriental de Jerusalém permanece fechada ainda hoje:

Quando Jesus vier estabelecer o seu reino Milênial, ele entrará por esta porta Oriental do muro da cidade, conhecida também como porta Dourada. Os mulçumanos Otomanos construíram um cemitério enfrente da porta, para que Jesus como Sacerdote não entre, pois um sacerdote não poder acercar-se a um cadáver.

5. A porta dourada se abrirá:

Quando Jesus pisar no monte das Oliveiras, o monte de fendera e se abrirá, esta rachadura chegará até a porta Oriental e abrira ela o cemitério que está ali, será tragado pela terra e entrara Jesus pela porta Oriental.

IV - A PORTA IMPORTÂNCIA DA PORTA NA NOSSA VIDA

1. Ezequiel é conduzido a Porta pelo anjo:

pelo homem 4 vezes (40.3; 43.1; 44.1 e 47.1) O aspecto deste homem-anjo era de bronze, que guia, mostra, orienta e mede. (40.3) Ele me levou para lá, e eis um homem cuja aparência era como a do bronze; estava de pé na porta e tinha na mão um cordel de linho e uma cana de medir.

2. O conceito de entrada:

Os judeus davam muita importância a Porta, mais que nós hoje em dia, o conceito Entrada e Saída era mais amplo. Dependendo de onde uma pessoa vinha escapando, entrar pela porta era encontrar a Salvação. Igual que nós quando entramos por uma porta chamada Jesus. (Jo 10.9) Eu sou a porta. Se alguém entrar por mim, será salvo; entrará, e sairá, e achará pastagem.

3. Uma Entrada Ideal:

Podemos entrar de duas maneiras pela porta de Adoração. Mal ou bem. O ideal seria como nos ensina o Salmo 100.4 Entrai por suas portas com ações de graças e nos seus átrios, com hinos de louvor; rendei-lhe graças e bendizei-lhe o nome. Mas se não for possivel vir assim, venha do geito que esta, mas não deixe de vir.

4. Uma Entrada Real:

Não estou falando de realeza, de rei, mas de realidade. Na maioria das vezes pessoas quem vem adorar a Deus vêm trazendo uma vida cheia de angustia, dificuldade e pesares, mas depois de adorar a Deus, sai com alivio, paz e alegria.

5. A alegria de estar nas portas:

(Sl 122.1,2) Alegrei-me quando me disseram: Vamos à Casa do Senhor. Pararam os nossos pés junto às tuas portas, ó Jerusalém!

Autor:  Pr Teófilo Karkle


Pr Teófilo Karkle
Pr Teófilo Karkle, é Pastor e Missionário no Chile desde 1991.
Também exerce seu Ministerio como Escritor, Radialista, Conferencias Internacional e Professor de Teologia.
 

 

E-mail:
Centro de Alegria - Santiago do Chile