Procure

Reflexão Ensinando a Palavra


Mateus 22:29
Jesus, porém, lhes respondeu: Errais, não compreendendo as Escrituras nem o poder de Deus;

Oséias 4:6
O meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento. Porquanto rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; visto que te esqueceste da lei do teu Deus, também eu me esquecerei de teus filhos.

Em algumas igrejas hoje, já não existe a prática da Palavra de Deus como outrora. A EBD (Escola Bíblica Dominical) foi desativada em nome de uma VISÃO, o conhecimento está relegado, o culto de doutrina esvaiu-se, agora só se prega aos domingos no culto da noite lembrando que pregação é diferente do ensino, o ensino se tem mais tempo para pensar, argumentar, tira dúvidas e muito mais, sem contar que a dinâmica é diferente.

Em hipótese alguma devemos deixar de trazer o ensino se possível todos os domingos, a propósito, a minha personalidade espiritual atribuo dentre outras coisas ao ensino na EBD desde criança, parte dos meus conhecimentos bíblicos se devem também a ela (EBD), desta maneira julgo ser muito importante não destoarmos desta verdadeira visão.

Pensando nisto existe dois tipos de igrejas: aquelas que só ganham e aquelas que só ensinam a meu ver são dois extremos que devem ser combatidos em nossa liderança, devemos fazer as duas coisas com equilíbrio, há tempo para tudo, mas o ensino da Palavra é primordial vejamos:

Ensina-nos a orar;
Ela nos dá sabedoria sublime Sl 119:99,100)
É através dela que comemos o melhor (Pv 8:19);
É através dela que nos é mostrado o pecado (Hb 4:12);
É por ela que somos limpos (Jo 15:3)
É nela que teremos Conhecimento (Jo 8:32).
É só através dela que teremos libertação (Jo 8:31).
Ela é a coisa mais desejável do espírito humano (Sl 19:10)
É só através dela que aplicaremos em nossas vidas o que João, Mateus, Oséias e Nosso Senhor Jesus Cristo nos alertam com relação ao ensino.

Jesus antes de mais nada é chamado de Mestre (Rabi). Veja João 3:2; Lucas 5:5; 8:24-25; 9:33,49; 17:13. Isto é, uma pessoa de ensino. Jesus quando chegava a um local, dirigia-se à sinagoga da cidade e ensinava. Começava seu ministério ensinando. Só depois, então, que curava, pregava, fazia outras maravilhas. Mas mesmo após curar e pregar, Jesus continuava ensinando (Mt 4:23; 5:2; 7:29; 9:35; Mc 6:34; Lc 4:15; 5:3; Jo 7:14; 8:2.)

Hoje pregamos ao contrário. Pregamos assim:

Venha e receba a bênção poderosa.
Venha que você será curado.
Venha que a prosperidade bate à sua porta.
Mas o certo é: Venha e aprenda como ganhar o Reino de Deus, primeiramente (Mt 6:33).
Tenho muita sede pela Palavra você pode ver isso no meu livro que estou finalizando: Entrevista com Deus, sempre busco mais conhecimento, sempre estou aprendendo e por isso estou finalizando pela sexta vez a leitura completa deste livro maravilhoso, e uma pergunta não sei responder: se o melhor é aprender ou ensinar.

Que Deus coloque uma fome incomensurável pelo aprender e pelo ensinar da Palavra.

Autor: Raimundo Aguiar