Procure

Esboço O Vale da Sombra da Morte


“Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque Tu estas comigo; a tua vara e teu cajado me consolam”. Salmos 23:4

O Salmo 23 foi chamado de uma das criações mais sublimes de todos os tempos, como também "a pérola do livro dos Salmos". Houve, igualmente, quem dissesse que é um hino de louvor à providência Divina. Não é um Salmo longo, são apenas seis versículos, mas, no entanto, é, sem dúvida, o capítulo mais amado do Antigo Testamento, senão de toda a Bíblia. É conhecido pelas crianças. Dos cento e cinqüenta salmos, é aquele que 90% dos leitores sabem de cor. Qualquer criança que vai à Escola Bíblica o conhece. E tem sido a última leitura solicitada por muitos cristãos neste mundo quando em seu leito de dor já encarando a morte. Muitas pessoas têm uma aversão pelo assunto morte. “Eu também não gosto de falar, muito menos de escrever”.A Bíblia nos relata vários vales. O vale Hinom era um local que os pais sacrificavam seus filhos ao Deus Moloque. Tinha o Vale do Monturo onde eram jogados corpos dos indigentes e dos que a “lei” mandava matar. Mas um vale que poucos conhecem e que o salmista fez questão de falar foi o Vale que traz a aflição, que quando se encontra lá, a pessoa está na estrada da morte, caminhando a passos largos para o fim.

Vale da Sombra da Morte

Quem teve a oportunidade de assistir o filme os Dez Mandamentos, conheceu este vale, mesmo que passivamente, mas conheceu. O vale da Sombra da Morte era um local escuro, a ultima morada dos leprosos. A Lepra (ou Hanseníase ou mal de Hansen, do nome de Gerhard Hansen, que identificou o agente da doença) é uma doença infecciosa causada pelo Mycobacterium leprae que afeta os nervos e a pele e que provoca danos severos. Ela é endêmica em certos países tropicais, em particular na Ásia. No Brasil existem muitos casos de hanseníase. Os doentes são chamados leprosos, apesar de que este termo tende a desaparecer com a diminuição do número de casos e dada a conotação pejorativa a ele associada. Com a falta de cuidados médicos os portadores eram levados para “O Vale da Sombra da Morte” deixados lá e entre eles os que estavam melhor cuidavam dos piores até o fim. Não existia saída; ali era a ultima morada antes da morte. A presença dos doentes terminais (apesar de que todos eram terminais) aos olhos dos que chegavam, sua mente divagava, e a pergunta para si mesmo era sempre a mesma; Quando vou chegar lá?

Davi o Vale e o Leitor

O salmista em sua metáfora foi alem do que lhe rodeava, pois era o rei de Israel. Colocou-se na posição de um simples mortal que necessita da misericórdia de Deus; e diz “Ainda que eu estivesse lá no Vale da Sombra da Morte, todo cheio de lepra, em estado terminal, não temeria mal algum, porque Deus está comigo”.

Existe uma facilidade muito grande em falar palavras bonitas de incentivo para alguém. Mas, preste a atenção Deus está mandando falar com você que está em uma situação semelhante, Passando por doenças dificuldades financeiras etc. O Senhor está com você. Ele é teu Pastor. Nada vai te faltar.
|  Autor: Pastor Jandiro A Silva  |  Divulgação: estudosgospel.com.br |