Procure

Esboço O Que Podemos Aprender no Vale de Ossos Secos


Texto:  Ezequiel 37.1-14

Introdução

•O contexto é de desolação. O povo está no exílio.
•Ezequiel 20: 32 diz que eles não criam mais em Deus.
•Ezequiel 37:11 e Ezequiel 37: 2. Ossos, não apenas secos, sequíssimos.

  • Nosso Deus é o Deus da esperança.

•Diante das pressões do mundo, vem o desânimo.
•Vale a pena ser um crente? Nos sentimos como ossos secos.
•Em Deus está toda a nossa esperança.
•Ezequiel 37:1 - 2. "Veio sobre mim a mão do Senhor".

  • Nosso Deus é o Deus do impossível.
•Ezequiel 37:3. Poderão viver esses ossos?
•Ilustração: Gênesis 18:14. Existe coisa difícil ao Senhor?
•A resposta humana à pergunta de Deus é não.
•A resposta do profeta: "Tu o sabes Senhor". É uma resposta de um homem de Deus.

  • Nosso Deus é o Deus que vivifica.
•Ezequiel 37: 6 "...e poreis o espírito e vivereis "
•Ilustração. Livro: Esgotamento Espiritual. Nós é que ficamos esgotados. Deus jamais.
•Para a frieza, o desânimo, o remédio é uma ação do Espírito Santo.

  • Nosso Deus fala e cumpre.
•Ezequiel 37:14b. "Eu o Senhor disse e fiz"
•Ezequiel 12:25. A mesma palavra.
•Isaías 43: 13 "... operando eu, quem impedirá?
•Só ele tem o poder para cumprir o que fala.

Conclusão

•Deus da esperança. Deus do impossível. Deus que vivifica. Deus que fala e cumpre.
•Vamos deixar este Deus, o único Deus, ser o nosso Deus.


Autor:  Pr Milton César Toschi
I.E.Q. Duartina-SP